quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Treinamento em Finanças Pessoais

Porto Velho, 01 de março de 2012.

Comunicamos aos alunos que se inscreveram no Treinamento de Finanças Pessoas oferecido pela Faculdade de Porto Velho (FGV), que as duas primeiras turmas farão o treinamento neste sábado 03/03/2012, no período da manhã das 8:00 ás 12:00 e a turma da tarde das 14:00 ás 18:00. Ainda teremos turmas nos dias 10/03 e 17/03
Solicitamos que os alunos venham com uniforme de Educação Física.



Atenciosamente.






Serviço de Orientação Educacional






terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Comunicado aos pais

Porto Velho, 28 de fevereiro de 2012.


Comunicamos aos senhores pais ou responsáveis pelos alunos dos 1ºs, 2ºs e 3ºs anos do ensino fundamental (séries iniciais), que em atendimento ao Ofício nº 38/Ren/PVH/SEDUC, dia 29/12/12 (quarta-feira), os professores das citadas turmas, estarão participando de uma Formação Continuada para Alfabetizadores e Supervisores Escolares, por isso não haverá aula neste dia somente para as turmas acima citadas.

Contamos com sua compreesão.

A Direção

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Aula de Química - Bingo de Química

Inicio do Ano Letivo - CTPM







Capacitação dos Professores - Semana Pedagógica



















Os professores do Colégio Tiradentes da Policia Militar receberam capacitação para a implantação do Diário Eletrônico no mês de fevereiro. Também participaram de uma Palestra sobre "Atos Infracionais" ministradas pela Pedagoga e Assistente Social do Ministério Público. Ambas as palestras foram de grande importância para o conhecimento e prática docente.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Como planejar os estudos?

PLANEJAMENTO

Como planejar os estudos?

Noites bem-dormidas, cineminha garantido todo fim de semana e, para completar, notas boas. O segredo? Planejamento.


26/01/2012 16:35
Texto Denise Pellegrini e Iana Chan


Se no ano passado você ficou pendurado na escola, cheio de dificuldades e com o boletim mais vermelho que a bandeira da China, calma! O começo do ano letivo está aí para te dar a chance de fazer tudo certo dessa vez. E "certo" não significa se matar de estudar.

Mantenha o cinema no final de semana e nem pense em diminuir as horas de sono. Isso mesmo: um bom estudo não requer noites em claro nem renúncia à diversão. Ao contrário. Boas noites de sono e tempo para o lazer são fundamentais para se manter a disposição para estudar, conforme pesquisas conduzidas pelo cientista Robert Stickgold, da Universidade Harvard, nos Estados Unidos.
Mas, então, qual é a formula mágica para não acabar o ano com a corda no pescoço? Não tem mistério: basta elaborar um bom roteiro de suas atividades e respeitar esse planejamento.

O primeiro passo é admitir que no passado faltou vontade de aprender. Isso porque o desejo sincero de estar ali estudando interfere decisivamente na concentração que se tem. É o que faz diferença, por exemplo, quando você percebe que não estava prestando a menor atenção em alguma leitura, embora esteja efetivamente lendo frase após frase. "O sucesso nos estudos depende da disposição para a tarefa", diz a psicóloga Adriana Machado, do Serviço de Psicologia Educacional da Universidade de São Paulo (USP).

"Só quando você está ligado no que está fazendo é que o seu cérebro capta adequadamente os estímulos externos, sejam eles a fala de seu professor ou algo escrito", afirma o neurologista Fernando Coronetti Gomes da Rocha, professor da Faculdade de Medicina da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Botucatu. "O interesse e o desejo de prestar atenção no assunto promovem uma ativação cerebral em níveis que permitem a memorização", diz.

Mesmo depois de estar concentrado na realização da tarefa, ainda há diversas maneiras de se tornar mais produtivo. Uma delas é estabelecer prioridades para a mente. O maior desafio de um estudante, a prova de vestibular, pode ser vencida mais facilmente com algumas atitudes, como olhar primeiro a prova inteira e realizar os exercícios mais fáceis antes de responder ao resto. "A melhor maneira é encarar uma prova como um jogo de pega-varetas, em que você tira primeiro as peças que não oferecem risco", compara o professor Sezar Sasson, do Anglo Vestibulares, de São Paulo.


Comunicado Feriado

Arquivo do blog